4 vinhos harmonizados com 4 receitas de pratos incríveis!

 

Quer preparar um prato e não sabe como harmonizar um vinho com ele? Fizemos uma seleção de 4 pratos com características diferentes que você pode usar para se orientar de acordo com o perfil de vinho que você escolher. Para apreciar um bom vinho da forma adequada, selecionamos também alguma taças ideias para cada estilo de vinho para você tirar o máximo de proveito da sua degustação. Tim Tim!

 

 

As taças Bordeaux foram feitas para abrigar vinhos mais encorpados e ricos em tanino, feitos principalmente a partir da uva Cabernet Sauvignon. Elas possuem o bojo grande, mas têm a borda mais fechada para evitar a dispersão de aromas, concentrando- os. A aba fina direciona o vinho para a ponta da língua, permitindo que a untuosidade e os sabores frutados dominem antes que os taninos sejam direcionados para a parte de trás da boca. É indicada para Cabernet Sauvignon, Cabernet Franc, Merlot, Syrah, Tannat, entre outras uvas.

RECEITA: COGUMELOS RECHEADOS

Ingredientes

  • 10 cogumelos champignon frescos
  • 100 g parmesão ralado
  • 50 g miolo de pão
  • azeite (usamos um aromatizado com manjericao) e tomilho

Modo de Preparo

  1. Lave os cogumelos e retire os talos. Em um bowl misture o parmesão, esfarele o miolo de pão, um fio de azeite e tomilho.
  2. Use essa mistura pra rechear os cogumelos e coloque-os em uma assadeira com um pouco de azeite, cubra com papel alumínio e leve ao forno alto por 10 minutos.

 

 

 

A taça ideal para consumir vinhos brancos é de corpo médio, devido a necessidade de serem servidos em baixa temperatura. Com aba estreita, distribui o vinho de forma uniforme em todas as partes da língua, enfatizando seu frescor, doçura e acidez de maneira equilibrada.

 

RECEITA: LINGUADO À BELLE MEUNIÈRE

Ingredientes

  • 4 filés de linguado (cerca 1,4 quilo)
  • 4 colheres (chá) de manteiga sem sal
  • 120 g de alcaparras
  • 200 g de champignons fatiados em lâminas
  • 8 batatas torneadas (cozidas)
  • 4 camarões grandes
  • Sal e limão siciliano a gosto

 

Modo do preparo

  1. Tempere os filés com o sal e limão. Grelhe e reserve.
  2. Para o molho, aqueça a manteiga, acrescente os champignons, as alcaparras e os camarões.
  3. Refogue durante dois minutos, retire da panela e reserve. Salteie as batatas na mesma panela com um pouco de manteiga e coloque-as em um prato de forma que formem uma cama.
  4. Em seguida, disponha os filés em pratos, despeje o molho e sirva em seguida

 

Os vinhos da Borgonha são mais complexos e concentrados, produzidos principalmente com a uva Pinot Noir. Portanto, as taças são em formato balão (ou seja, com bojo maior do que as Bordeaux) para que haja mais contato com o ar, o que permite que o buquê se libere mais rapidamente. Este recipiente foi feito para que o vinho explore muito o nariz. O formato direciona o fluxo acima da ponta e do centro da língua, diminuindo a acidez e acentuando as qualidades mais arredondadas e maduras do vinho. Além da Pinot Noir, também é ideal para que sejam apreciados vinhos Rioja tradicional, Barbera Barricato, Amarone, Nebbiolo etc.

 

 

RECEITA: COQ AU VIN

Ingredientes

  • 1 galo (frango adulto) de aproximadamente 2,5 kg
  • 4 cebolas cortadas em cubos
  • 4 cenouras cortadas em cubos
  • 3 litros de vinho tinto seco
  • 1 talo de salsão cortado em cubos
  • 1 bouquet amarrado com um barbante, contendo 1 folha de salsão, 1 dente de alho, 2 folhas de louro, 2 ramos de tomilho e 2 ramos de salsa crespa
  • 1/2 xícara de chá de óleo vegetal, como o de girassol
  • 1/2 xícara de chá de conhaque
  • 60 g de farinha de trigo
  • 1 litro de fundo de carne (ou caldo em cubos) diluído em água
  • 200 g de bacon magro
  • 500 g de champignons Paris, frescos
  • 30 g de manteiga
  • 30 g de açúcar
  • Sal e pimenta-do-reino a gosto

Modo de preparo

Corte o galo em pedaços pequenos e deixe marinando por 48 horas. No dia do preparo, separe o galo, o vinho e os legumes. Tempere os pedaços de galo com sal e pimenta. Em uma caçarola, aqueça 30 ml de óleo e refogue os legumes em fogo baixo. Enquanto isso, em uma frigideira com um pouco de óleo, doure os pedaços de galo de ambos os lados. Quando estiverem dourados, polvilhe com um pouco de farinha. Acrescente uma parte do conhaque, flambe e junte os pedaços dourados com os legumes na caçarola. Cubra com o vinho e o caldo e cozinhe lentamente por aproximadamente 1h30 (até ficar macio).

Enquanto cozinha o galo, prepare a guarnição, doure e bacon e reserve. Em uma pequena frigideira, derreta o açúcar com a manteiga e caramelize as cebolas. Junte o bacon e reserve. Em outra pequena frigideira, doure os champignons com um pouco de manteiga e uma pitada de sal e também reserve. Quando o galo estiver bem macio e o molho, bem encorpado, coe o molho para finalizar e retire o bouquet. Em uma caçarola, ferva o molho e adicione o sangue, mexendo sem parar. Acerte o sal e a pimenta. Coloque os pedaços de galo no centro de uma travessa e cubra com o molho e as guarnições. Arranje as batatas cozidas no sal à sua volta e sirva imediatamente.

 

A taça dos rosés costuma ser menor que a dos brancos, mas com bojo maior. Ela deve acentuar a acidez do vinho, equilibrando assim sua doçura. Dica: poucas marcas possuem uma taça específica para os rosés, se não encontrar, pode usar a mesma do vinho branco.

RECEITA: BURRATA COM TOMATE CONFIT

Ingredientes

  • 1 Burrata da marca de sua preferência
  • 250g de tomate cereja vermelho
  • 1 dente de alho bem picadinho
  • Sal, azeite e pimenta do reino a gosto
  • Algumas folhas de manjericão para finalizar

Modo de preparo

  1. Para fazer o tomate confit, coloque em uma assadeira pequena os tomates. Espalhe o alho bem picadinho por todos eles.
  2. Depois tempere com sal, pimenta do reino e bastante azeite, espalhando bem.
  3. Leve ao forno a 180oC por aproximadamente 20 minutos ou até que os tomatinhos comecem a estourar e amoleçam.
  4. Esse processo deixa a casca bem soltinha e realça ainda mais a doçura do tomate cereja, além de destacar o gostinho de alho tostado.
  5. Para servir, coloque a burrata no centro do prato e acomode os tomatinhos ao redor dela.
  6. Finalize regando com o azeite que ficou na assadeira, um pouco de sal e pimenta do reino e as folhas de manjericão.

Curtiu? Você vai curtir essas também!

Theme Tool Box by Leo Brescia